Ismael Ivo

São imensuráveis as perdas que a Covid-19 tem feito no mundo. Entre as vítimas da doença está o bailarino, diretor e coreógrafo Ismael Ivo, que faleceu em abril de 2021, aos 66 anos de idade.

O artista, nascido na Vila Ema, em São Paulo, marcou o cenário da dança contemporânea nacional e internacional, trabalhou por mais de 30 anos no exterior, tendo se consagrado como curador e diretor na Bienal de Veneza e como diretor da Companhia de Dança do Teatro Nacional Alemão.

Ivo se encontrava na direção artística do Balé da Cidade de São Paulo desde 2017, sendo o primeiro negro a ocupar o cargo. Em sua homenagem, o Governo de São Paulo criará a SP Escola de Dança Ismael Ivo, na qual o bailarino estava à frente dos projetos de sua concepção.

A nova instituição irá oferecer formação técnica e artística com foco 100% na formação e na capacitação de profissionais em coreografia e performance. Com previsão para início das atividades no começo de 2022, a escola terá cursos regulares na área de dança para 400 alunos e de extensão para cerca 1,5 mil.  A sede será no terceiro andar do Complexo Júlio Prestes, localizado no centro de São Paulo. As obras, que já foram iniciadas, terão um custo total de R$3,5 milhões.

Foto – Acervo São Paulo Companhia de Dança