Notícias

Um MC

Um dos nomes em evidência do Hip Hop mineiro, Roger Deff, lançou em abril o videoclipe “UM MC”, faixa que está em seu disco “Pra Romper Fronteiras”. O rapper, músico, jornalista e produtor cultural explorou em sua nova produção o papel do hip hop no acesso à cidadania e valorização das periferias. Assinam a direção do videoclipe Marcelo Araújo e Marcos Cruz. A produção faz uma viagem histórica na cultura hip hop, celebrando suas diversas linguagens, como o graffite, o break, a escrita, a música, o disco e as juventudes, homenageando os 50 anos da cultura hip hop. No elenco, além do rapper, estão os artistas Eduardo Sô, Bruna Pimenta, DJ Roger Dee, DJ Hamilton Jr, Mr Mad Jay 68 e Matéria Prima. O videoclipe pode ser visto no canal de youtube do artista: www.youtube.com/@RogerDeff

Holofotes em Clayton Nascimento

O ator Clayton Nascimento tem sido destaque nos palcos e nas telinhas do Brasil. Intérprete, diretor e dramaturgo, foi vencedor do Prêmio Shell na categoria Melhor Ator, pela atuação no espetáculo “Macacos” que discute o racismo estrutural no Brasil. Criado em 1988, o Prêmio Shell de Teatro é a mais tradicional premiação da cena teatral brasileira. O apagamento das memórias e ancestralidades negras dão a tônica no espetáculo da Cia do Sal, dirigido e interpretado pelo ator. O espetáculo aborda a estruturação do racismo no Brasil e se coloca em cena a partir do relato de um homem negro em busca de outros espaços para ocupar diante do adjetivo macaco, que nomeia a obra. Clayton Nascimento é preto, nordestino e cria da periferia de São Paulo. Ele se prepara agora para brilhar também nas telinhas como Caíto, um artista que trabalha na região da Lapa, no elenco de Fuzuê, próxima novela das sete da TV Globo. Ele fará parte do núcleo dramático da protagonista Giovana Cordeiro, que conta ainda com Ary Fontoura, Heslaine Vieira e Walkyria Ribeiro.

Clayton Nascimento se prepara para brilhar nas telinhas como Caíto, um artista que trabalha na região da Lapa, no elenco de Fuzuê, próxima novela das sete da TV Globo – Foto Acervo Pessoal

À luta, a voz

O Coletivoz Sarau de Periferia prepara, em 2023, circuito em comemoração aos 15 anos de história literária em Belo Horizonte. O projeto “Histórias e memórias de poesia pra mesa de bar” foi pensado para celebrar encontros, reunir poetas e ouvintes, além de disseminar a escrita marginal por cinco regionais da capital mineira. Ao longo dos 15 anos de existência, o Coletivoz realizou mais de 200 edições, disseminando arte e poesia através da palavra aberta, democrática, suprapartidária e política. Além disso, o coletivo potencializa e empodera o trabalho de autores e moradores da periferia, geralmente excluídos do processo de produção literária no país. A agenda de celebrações que acontece ao longo de todo o ano pode ser acompanhada no perfil do coletivo no Instagram: @coletivoz.

Coletivoz Sarau de Periferia lança o projeto “Histórias e memórias de poesia pra mesa de bar” – Foto Acervo Pessoal