Léa Garcia: o olhar como forma de trabalho, as ações como instrumento de luta

Por Paulo Roberto Antunes, professor, escritor e revisor da Revista Canjerê. Nelson Mandela já disse que “Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou